Aluno do Inatel é selecionado no ‘Seeds for The Future’ e desembarca na China no próximo dia 15

Desde 2016 o Inatel contabiliza 10 alunos selecionados no programa

Inatel Seedsforthefuture junho2019 6O estudante de Engenharia de Telecomunicações do Inatel, Moisés Machado Bitencourt foi um dos 10 estudantes selecionados entre diferentes instituições e universidades do país no programa Seeds For The Future, da Huawei. O aluno segue agora para um intercâmbio de duas semanas na China onde vivenciará, ao lado dos outros brasileiros, uma experiência que envolve a troca de conhecimento cultural, profissional e acadêmica.

“Poder vivenciar esta experiência é incrível. Estou vendo como uma oportunidade de abrir ainda mais as portas da minha vida profissional. Já conhecia esta parceria com a Huawei e vinha acompanhando as outras edições. Fiquei surpreso ao ser selecionado e estou animado em saber que terei este contato com uma nova cultura, uma nova língua e de profissionais da área. Será um momento de conhecer de perto as tecnologias e as ações realizadas pela Huawei na China", comentou o aluno do Inatel. Moisés também é estagiário da multinacional pelo programa Fábrica de Talentos.

De acordo com a Huawei, no país asiático, os estudantes terão a oportunidade de trocar e adquirir conhecimentos gerais e específicos na capital Pequim e na sede da empresa, em Shenzhen. Os jovens poderão entender, experimentar e estudar as últimas novidades tecnológicas no Centro de Treinamentos da sede da Huawei, assim como ver as demonstrações das mais recentes soluções em TIC. Também irão conhecer todo um ecossistema de negócios de uma das mais dinâmicas e modernas cidades da China. A viagem ainda aborda a cultura chinesa, com a oportunidade de conhecer mais sobre arte, caligrafia e monumentos locais, além de aulas em mandarim.

Yao Wei, presidente da Huawei no Brasil, acredita que a capacitação da mão de obra para o setor TIC do Brasil, é um investimento importante da empresa no país. “A ideia do projeto é impulsionar o mercado e desenvolver projetos inteligentes por meio da educação de jovens talentos que estão ingressando no setor. O profissional do futuro precisa ser multidisciplinar, multicultural e ter capacidade de adaptação rápida, características trabalhadas pelo Seeds for the Future. Não é à toa que o nome escolhido para o programa é Semente para o amanhã”, explica.

Os estudantes selecionados
Todos os estudantes brasileiros desembarcam na China no dia 15 de julho e retornam ao Brasil no fim do mês, quando poderão compartilhar um pouco mais das experiências vivenciadas. Além do aluno do Inatel, foram escolhidos, os estudantes que mais se destacaram por seus desempenhos em sala de aula e notas, são: João Marco de Paula (Recife-PE), Davi Carlos da Silva (Curitiba-PR), Letícia de Oliveira Silva (São Paulo-SP), Fernando Lucas Garzoni (Cuiabá-MT), Yargo Tessaro (São Bernardo-SP), Paloma Rodrigues Rocha (Embu-SP), Arthur Fender Bucker (São Paulo-SP), João Pedro Tambasco Calazans (Volta Redonda-RJ), Rodolfo Ávila de Carvalho (Palmas-TO), além de Moisés Machado (MG), aluno do Inatel.

Inatel no Seeds for The Future
Esta é a quarta edição que o Inatel está inserido. Desde 2016 a instituição contabiliza 10 alunos selecionados. No primeiro ano foram para a China, Ana Paula Silva de Vilas Boas, Mateus de Oliveira Alves, Alled Ghazale de Paiva e Tayla Simões Santos. No ano seguinte, 2017 a selecionada foi a Manoela Folquito Jorge Miziara e em 2018 foi a vez de Adrielly de Cassia Campioni Rocha, Bianca Lopes Magri e Ivana Vilas Boas Fernandes. No total, o programa Seeds for the Future já capacitou mais de 20 mil estudantes, de 96 países.

“A participação dos nossos alunos de Engenharia de Telecomunicações no Seeds for the Future, desde o início de sua implantação, tem possibilitado um melhor contato com as principais tecnologias de telecomunicações existentes, bem como com novos sistemas e redes de telecomunicações que ainda serão implantados em diversos países, permitindo aos alunos uma maior compreensão da grandiosidade das oportunidades para a carreira do Engenheiro de Telecomunicações, bem como enorme mercado existente para novas tecnologias e soluções ainda a ser explorado”, enfatizou o Coordenador de Engenharia de Telecomunicações do Inatel, Marcelo de Oliveira Marques.

No Brasil, cerca de 100 alunos já participaram do programa desde que foi lançado em 2015, em cooperação com o Ministério da Educação. O programa Seeds for the Future, tem como objetivo desenvolver talentos locais, acelerar o intercâmbio de conhecimento, promover o interesse dos jovens no setor TIC e encorajá-los na construção e participação das comunidades digitais mundo afora.

thumbnail PHOTO 2019 06 06 22 01 15 1

@ Entre em contato

Instituto Nacional de Telecomunicações – Inatel

Campus em Santa Rita do Sapucaí - MG - Brasil

Av. João de Camargo, 510 - Centro - 37540-000

+55 (35) 3471 9200

Escritório em São Paulo - SP - Brasil

WTC Tower, 18º andar - Conjunto 1811/1812

Av. das Nações Unidas, 12.551 - Brooklin Novo - 04578-903

+55 (11) 3043 6015 | inatel.sp@inatel.br